domingo, 31 de janeiro de 2021

Fronteira de Barrancos/Encinasola encerrada - só passam os trabalhadores transfronteiriços aos dias úteis

Às 00h00 de hoje, o combate à pandemia encerrou novamente a fronteira Barrancos/Encinasola, com reposição de controlo de passagem, nos dias úteis das 07h00 às 09h00  e das 18h00 às 20h00, de 31 de janeiro a, pelo menos, 14 de fevereiro de 2021.

Desta vez, a fronteira de Barrancos/Encinasola ficou sem as manilhas da vergonha, do passado março/abril de 2020. Agora, devido luta daqueles dias, os trabalhadores transfronteiriços ganharam "permissão de passagem". Pena que só seja aos dias úteis!

Desta vez, lembraram-se de Barrancos.

fronteira Barrancos/Encinasola, na ponte do barranco de Pedro Miguel
(Fotos: Cortesia para o eB, de CO, 31/01/2021)

Aprovado o Regulamento do Concurso Fotográfico sobre Barrancos

Ver aqui o Regulamento
Fonte: CMB

sábado, 30 de janeiro de 2021

Fronteira - despacho ministerial confirma Barrancos/Encinasola como ponto de passagem autorizado

 Pelo despacho nº 1242-D/2021, de 29/1, veio o ministério da administração interna publicar a lista dos pontos de passagem autorizados na fronteira terrestre, entre os quais se inclui Barrancos/Encinasola, "nos dias úteis das 07h00 às 09h00  e das 18h00 às 20h00".

O despacho produz efeitos das 00h00 de 31 de janeiro, até às 23h59 do dia 14 de fevereiro de 2021.

Ponte do barranco de Pedro Miguel, raia fronteiriça
(Fotos; Arquivo eB, 08-04-2020)

INE está a recrutar para o Censos 2021 - Candidaturas estão abertas até 15 de fevereiro

O Instituto Nacional de Estatística (INE) está a recrutar cerca de 11 mil recenseadores que farão o Censos 2021, que este ano decorrerá preferencialmente por telefone e Internet por causa da pandemia.
Em comunicado, o INE indica que as candidaturas serão recebidas através do seu site e serão as autarquias a selecionar quem será recenseador para o trabalho que começará em abril. 
O prazo limite das candidaturas termina a 15 de fevereiro.

sexta-feira, 29 de janeiro de 2021

COVID 19 - reforçadas as medidas de confinamento para o período de 31de janeiro a 14 de fevereiro

Foi publicado o Decreto nº 3-D/2021, de 29/1, que procede a um conjunto de alterações no que respeita às medidas que regulamentam a prorrogação do estado de emergência decretado pelo Presidente da República. 
O decreto entra em vigor às 00h00 do dia 31 de janeiro de 2021 e mantém o regime vigente até às 23h59 do dia 14 de fevereiro de 2021.
As principais alterações introduzidas são:
- a suspensão das atividades educativas e letivas dos estabelecimentos de ensino públicos, particulares e cooperativos e do setor social e solidário, de educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário vigora até ao dia 5 de fevereiro de 2021, sendo retomadas estas atividades, a partir do dia 8 de fevereiro, em regime não presencial;
- a suspensão das referidas atividades e o regime não presencial não obstam à realização de provas ou exames de curricula internacionais;
- sempre que necessário, podem ser assegurados presencialmente os apoios terapêuticos prestados nos estabelecimentos de educação especial, nas escolas e, ainda, pelos centros de recursos para a inclusão, bem como o acolhimento nas unidades integradas nos centros de apoio à aprendizagem, para os alunos para quem foram mobilizadas medidas adicionais;
- a limitação às deslocações para fora do território continental, por parte de cidadãos portugueses, efetuadas por qualquer via, designadamente rodoviária, ferroviária, aérea, fluvial ou marítima, sem prejuízo das exceções previstas no Decreto;
- a reposição do controlo de pessoas nas fronteiras terrestres, nos termos previstos no Decreto;
- possibilidade de suspensão de voos e de determinação de confinamento obrigatório de passageiros à chegada, quando a situação epidemiológica assim o justificar;
- possibilidade de os estabelecimentos prestadores de cuidados de saúde do Serviço Nacional de Saúde poderem, excecionalmente, proceder à contratação a termo resolutivo, até ao limite de um ano, de titulares de graus académicos conferidos por instituição de ensino superior estrangeira na área da medicina e na área da enfermagem, desde que preenchidos determinados requisitos

COVID 19 encerra fronteira - mas Barrancos será ponto de passagem para trabalhadores transfronteiriços

O novo estado de emergência, que teve a luz vez do parlamento esta quinta-feira e entra em vigor a 31 de janeiro, prevê o encerramento das fronteiras terrestres e fluviais tal como acontece em março e abril do ano passado, no início da pandemia.

Segundo o SEF, citado pelo Expresso, os oito pontos de passagem autorizados na fronteira terrestre, abertos 24 horas por dia, são Valença-Viana do Castelo; Vila Verde da Raia-Chaves; Quintanilha-Bragança; Vilar Formoso-Guarda; Marvão-Portalegre; Caia-Elvas; Vila Verde de Ficalho-Beja e Castro Marim-Praça da Fronteira.

Já os pontos de passagem na fronteira terrestre, abertos das 7h00 às 9h00 e das 18h00 às 20h00, são em Monção; Miranda do Douro; Termas de Monfortinho-Castelo Branco; Mourão e Barrancos.

Também é ponto de passagem autorizado, às quartas-feiras e aos sábados, das 10h00 às 12h00, Rio de Onor (Bragança).

Desta vez, parece que terá sido salvaguardada, desde o primeiro momento, a situação especifica dos  trabalhadores transfronteiriços. No caso, dos barranquenhos que se deslocam diariamente para trabalhar em Espanha, e o contrário, que também se verifica.

Ponte do barranco de Pedro Miguel, raia fronteiriça
(Fotos; Cortesia leitor eB, 08-04-2020)

quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

COVID 19 - renovado o estado de emergência até 14 de fevereiro

O Presidente da República, depois de ouvido o Governo, que se pronunciou em sentido favorável,  de enviou à Assembleia da República, para autorização desta, o projeto de diploma que renova o estado de emergência por 15 dias, até 14 de fevereiro de 2021, permitindo adotar medidas necessárias à contenção da propagação da doença Covid-19.

O pedido foi esta tarde votado e aprovado pela Assembleia da República, sendo publicado esta noite no Diário da República (Decreto do PR nº 9-A/2021, desta data)

Associação BTT Veredas de Noudar - celebra hoje 7º aniversário

 Parabéns à associação, seus dirigentes e associados.


COVID 19 - plano de vacinação vai acolher entre prioritários os bombeiros e altos titulares de cargos políticos

grupo de trabalho para o plano de vacinação contra a covid-19 está a preparar uma proposta para incluir os titulares de altos cargos de decisão e os bombeiros entre os prioritários a vacinar.
Quer os bombeiros, quer os altos cargos políticos, deviam ter constado no plano desde inicio. No caso dos bombeiros terá sido um erro. Já quando aos titulares de altos cargos políticos, foi o medo dos populismos que levaram à sua exclusão dos grupos prioritários. Esta alteração do plano, faz todo o sentido.
Recordo que, em Barrancos, já estão vacinados desde a passada quinta-feira, (primeira dose), os funcionários e utentes do Lar Nossa Senhora da Conceição, bem como o pessoal médico, de enfermagem, administrativos e de apoio do centro de saúde.


quarta-feira, 27 de janeiro de 2021

Decisões da assembleia municipal de 27 de janeiro de 2021

A assembleia municipal de Barrancos, reunida esta noite no Cineteatro, em sessão extraordinária, parcialmente telemática, entre as 21h30 e as 22h30, com o registo de presenças de 14 dos seus 16 membros, resolveu
-
1 – Aprovar, por maioria, com os votos a favor do PS e do CDS-PP/PSD, e a abstenção da CDU, o Contrato Interadministrativo para a gestão dos resíduos sólidos e higiene urbana, a celebrar entre o Município e a Freguesia de Barrancos.
-
2 – Aprovar, por maioria, com os votos a favor do PS e do CDS-PP/PSD, e a abstenção da CDU, o auto de transferência de recursos financeiros que concretizam o processo de descentralização de competências do Município na Freguesia de Barrancos (DL nº 57/2019 de 30/4), sob proposta da CMB
.
3 – Aprovar, por maioria (*), com o voto de qualidade do 1º secretário, na qualidade de presidente substituto, devido ao empate com sete votos a favor do PS e sete votos contra (cinco da CDU; um do CDS-PP/PSD e um do PS), os Documentos previsionais (Orçamento, Grandes Opções do Plano, Atividades Mais Relevantes e Plano Plurianual de Investimentos) do Município para 2021 e o Regulamento de Execução das Medidas do Orçamento 2021 (REO 2021)
.
4 – Aprovar, por maioria, com os votos a favor do PS e do CDS-PP/PSD, e votos contra da CDU  as Normas de Funcionamento da Incubadora de Empresas de Barrancos

Notas

1Faltaram dois membros da CDU;
2 -  Dois membros do PS e o membro do CDS-PP/PSD, participaram por videoconferência (zoom).
3 - O presidente da AMB, pediu substituição nesta sessão, tendo sido "chamado" o primeiro suplente na lista. A AM, foi nesta reunião, presidida pelo 1º secretário.
4* - Este desempate, com o voto de qualidade do "1º secretário, neste caso substituindo o presidente da AM", que por sua vez foi substituído como acima citado, pode suscitar dúvidas quanto à legalidade da decisão.

Edifício dos Paços do Município de Barrancos.
Foto: Arquivo, eB, 2013

"Não temos Mourão, melhores dias virão!"

Interessante o artigo de António Tereno, na revista online "toureio.pt", a propósito do cancelamento das tradicionais Festas de Nossa Senhora das Candeias, em Mourão, que costuma "abrir" a temporada tauromáquica nacional.
A luta contra a pandemia, a tradição taurina e a "sobranceria e duvidosa superioridade moral" de candidato/as presidenciais, são também abordados no artigo, sem deixar de acreditar "que melhores dias virão"!. 
Que seja já amanhã.

terça-feira, 26 de janeiro de 2021

Assembleia Municipal de Barrancos - reunião extraordinária decorre amanhã à noite, no cineteatro

Fonte: CMB


Ordem de Trabalhos

1 – Apreciação e aprovação do Contrato Interadministrativo para a gestão dos resíduos sólidos e higiene urbana no município de Barrancos, sob proposta da CMB

2 – Apreciação e aprovação dos recursos financeiros que concretizam o processo de descentralização de competências do Município na Freguesia de Barrancos (DL nº 57/2019 de 30/4), sob proposta da CMB

3 – Apreciação e aprovação da proposta dos Documentos previsionais (Orçamento, Grandes Opções do Plano, Atividades Mais Relevantes e Plano Plurianual de Investimentos) do Município para 2021 e o Regulamento de Execução das Medidas do Orçamento 2021 (REO 2021)
(Nota: Recorde-se que a AMB "chumbou o orçamento 2021", na sua reunião do passado dia 26/12/2020)

4 – Apreciação e aprovação das Normas de Funcionamento da Incubadora de Empresas de Barrancos

Carlos Pica é o novo Comandante Operacional Distrital (CODIS) de Beja

Segundo a nota divulgada no facebook, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) "realizou esta segunda-feira, dia 25 de janeiro, a cerimónia de designação do novo Comandante Operacional Distrital (CODIS) de Beja. a ANEPC, em regime de substituição, o licenciado Carlos Alberto Elvira Pica, para o cargo de Comandante Operacional Distrital (CODIS) do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja, da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil".

O Carlos Pica, ainda segundo a ANEPC, "detém comprovada experiência e adequada formação para o desempenho das novas funções, até à data ocupava o cargo de Coordenador Municipal de Proteção Civil da Câmara Municipal de Barrancos. Tem experiência no exercício de funções de comando em corpo de bombeiros. De 2006 a 2014 exerceu o cargo de 2.º Comandante Operacional Distrital no CDOS de Beja, da ANEPC."
Carlos Pica.
(Foto: 
daqui)

segunda-feira, 25 de janeiro de 2021

COVID 19 - Barrancos em situação de "risco extremamente elevado"

Segundo o relatório de situação da DGS, desta data, com dados reportados ao período de 5 a 18 de janeiro de 2021, o município de Barrancos passou para a situação de risco extremamente elevado, com  1530 casos/100 mil habitantes, o equivalente 26 casos ativos.

Entretanto, segundo o último "ponto de situação" da CMB, de hoje, Barrancos tem 17 casos ativos, o que corresponde a 1030 casos/100 mil habitantes, melhor, mas mantendo-se mais uma semana na situação de risco extremamente elevado.

(Fonte: DGS, 25/01/2021)

Contributos para a História de Barrancos (XIV) - a Tapa e o tapêu

Mais um excelente contributo de José Peres Valério (texto e fotos):
(...)
Tapa palavra com variadíssimos significados. É uma forma verbal na 3ª pessoa do singular, do presente do indicativo do verbo tapar, que nada tem que ver com o que se passa a descrever.  Esta palavra tem aplicações de tapamentos, ou sapatos, até à culinária. Nesta área, para qualquer Barranquenho a Tapa não é desconhecida, mas certamente ignorada por alguns. Posto isto, passo a relatar o que a história nos diz. Oriunda de Espanha, tinha por finalidade de ser colocada na boca da taça, com bebida, para evitar a entrada de pó. Usavam-se fatia de queijo, presunto ou outras. É um aperitivo servido, desde tempos remotos, nos bares e restaurantes de Espanha para acompanhar as bebidas que, segundo lendas, de conhecimento oral, existem várias hipóteses sobre o aparecimento das Tapas. Um dos mais conhecidos diz que as Tapas surgiram no século XIII durante o reinado de Afonso X de Leão e Castela que, devido a uma doença se viu obrigado, a tomar goles de vinho e, para evitar a embriaguez, comia alguma coisa acompanhando o vinho.  

Outra, conta que os reis católicos obrigaram os taberneiros a servirem, com a taça de vinho ou cerveja, uma Tapa, fria: queijo; presunto; chouriço, o que houvesse.

Uma versão popular mais simples diz que as Tapas surgiram da necessidade dos trabalhadores em adquirir força para seguir trabalhando até a hora do almoço. Essa necessidade era preenchida com a ingestão de um pouco de comida acompanhada por um pouco de vinho. Todavia é antigo o costume espanhol de se comerem pequenas porções de comida para aliviar a fome.

Entretanto, com a expansão por toda a Espanha, este hábito, converteu-se num fenómeno culinário exportado para outros países, nomeadamente: EUA, América Latina e outros, sem esquecer Portugal.

Dada esta pequena introdução passo a narrar o que é a Tapa em Barrancos.

Barrancos, situado na fronteira Leste do país, que desde cedo começou a adquirir costumes e culturas com os povos espanhóis mais próximos, em especial Encinasola por distar 9 Km e, também, ainda que mais distantes, Oliva de la Frontera, Higuera la Real e Fregenal. Tomando aquela lenda, pensa-se que neste intercâmbio a Tapa foi uma das bases da culinária que o povo de Barrancos adquiriu, prevalecendo até os dias de hoje.

Quando, chegado a um café, sociedade, restaurante, hotel e pedir uma taça, um jarro de ¼ litro ─ que predomina ─, ou uma garrafa de vinho, a Tapa, fria ou quente, acompanha sem necessidade de ser pedida, incorporada no custo da bebida. Com a cerveja não há Tapas, mas às vezes, os empresários, põem também amendoins ou outros. É óbvio que com um bom vinho não há melhor acompanhamento do que uma boa Tapa. Quantas vezes pessoas, de passagem por Barrancos, constatando este facto, se interrogam, exclamando: Como é possível! Depois, quando se explica o “fenómeno” responde, a grande maioria, que em nenhuma parte do território nacional se verifica tal prática. De facto não se sabe concretamente  se  em todo o território fronteiriço ou não, se pratica este sistema. Mas por aquilo que se ouve dizer, julga-se que Barrancos será o único ou muito próximo de sê-lo.  

É um sistema implementado desde os primórdios dos tempos.  Uma forma de socialização entre amigos.

Chegado o desejado Domingo, dia de descanso com momentos de descontração depois de uma semana de trabalho árduo, os trabalhadores rurais em especial e alguns artífices, juntavam-se nas tabernas bebendo uns copos de vinho com a boa Tapa.  Daí seguiam para outras, grupos de 6/7 indivíduos, às vezes até mais, entoando as nobres quadras ancestrais alentejanas, que nos transmitem os sentimentos e momentos do quotidiano, pelas ruas até chegarem à taberna mais próxima. E assim prosseguiam por umas quantas, − bebendo uns copos e Tapeando ─ ora numa, ora noutra.

Barrancos sempre teve variadíssimas tabernas que serviam Tapas de excelência. Quais, dos que provaram, não se lembram das pardelhas assadas com coentros, cebola, alho e azeite com que alguns taberneiros, por exemplo: Tio Tomás Tereno, entre outros,  tinham o gosto de nos presentear?

Barrancos, também se preza de ter variadíssimos cantadores do cante alentejano que outrora se elevaram em concursos conquistando alguns 1ºs. lugares. Foi possuidor de dois grupos, qual deles o melhor. Pena que hoje não haja um, que represente a nossa terra por outros mundos.

Entretanto, a título de curiosidade, passo a citar as tabernas, cafés e restaurantes, que recordo, algumas, com nostalgia, desde a década de 50 do século transato: tabernas do tio Zé Grabiel, na Rua da Parra; Tio Manuel Pelador, Rua Jerónimo Vasquez; Zé Fialho (Zacarias), Rua da Igreja; Sociedades Recreativa e Sociedade União, na Praça da Liberdade; A Pipa e Tia Remédio e Café Central, Rua da Praça da Liberdade ; Tio Zé Burgo e Tio João Bergano, conhecido por Joanilho, na Rua S. Sebastião; Tia Vitória, Largo do Altossano; Zé Basso, hoje Restaurante A Esquina, na Rua das Fontainhas;  Manuel Ortega, mais tarde Tio Zé Burgos, tio António Oliveira conhecido por António Bomba, Tio António Nunes/Domingos Fretes, André Taberneira mais tarde José Costa, conhecido por Zelilha, Tio António Currito, Gabriel, Tio Tomás Tereno mais tarde Florindo Carvalho, Manuel Costa, conhecido por Manuel Minhoca, na Rua Forças Armadas; Zé Nunes, Tio António Bergano, conhecido por António Lalo, Sociedade Filarmónica, Tio Zé Mourenho, Tio Mateo, Largo de Montes Claros; Tio Zé Nunes (pai), Zé Nunes (filho), Tio Sequeira, Carlos Mourenho, Restaurante Miradouro, Diogo Pelau, António Lobo, João Cantare, Carlos Durão, mais tarde outros, Tio Carixa e Hotel Agarrocha, Rua 1.º de Dezembro; Manuel Candêo, Rua de Moçambique.

Barrancos, 17 de Janeiro de 2021

ass)José Peres Valério

domingo, 24 de janeiro de 2021

Eleições Presidenciais 2021 - resultados finais de Barrancos

De acordo com a informação disponibilizada pela assembleia eleitoral de Barrancos, composta por duas mesas de voto, o resultado das eleições de hoje, foram os seguintes: 

Designação

2021

2016

Eleitores (nº)

1310

1389

Votantes (nº); (%)

488 (37,25%)

581 (41,73%)

Abstenção (nº); (%)

 822 (62,7%)

808 (58,17%)

Votos brancos (nº)

 10

14

Votos nulos (nº)

 8

8

Por ordem de preferência dos eleitores locais:
1º - Marcelo Nuno Duarte Rebelo de Sousa, 274 votos;
2º - André Claro Amaral Ventura, 82 votos;
3º - Ana Maria Rosa Martins Gomes, 43 votos;
4º - João Manuel Peixoto Ferreira, 40 votos;
5º - Marisa Isabel dos Santos Matias, 15 votos;
6º - Vitorino Francisco da Rocha e Silva, 12 votos
7º - Tiago Pedro de Sousa Mayan Gonçalves, 4 votos;

(Fonte: SG/MAI)

Eleições Presidenciais 2021 - afluência às urnas em Barrancos às 12h00 e às 16h00

 Dos 1310 eleitores locais, votaram cerca de 16%, às 12h00,...

... e 32% até às 16h00.

Núcleo dos Amigos do Concelho de Barrancos - pandemia obriga a adiamento da assembleia geral

 Para conhecimento dos associados, publica-se seguidamente o comunicado do 
(...)
Núcleo dos Amigos do Concelho de Barrancos
Sede Provisória: Rua de Macau, 19 RC Dto - 2700-538 Amadora

O Presidente da mesa da Assembleia  do Núcleo de Amigos do Concelho de Barrancos, em consonância com o Presidente da Direção e alguns dos corpos gerentes, informa que não se realizará este ano a sua Assembleia Geral prevista nos estatutos para o mês de Janeiro.

Sendo, primeiro que tudo, um dever de cidadania é também um dever social que encontra suporte  na obediência a que o estado de emergência obriga.

É com tristeza que não possamos dar cabal cumprimento ao que nos une nesta associação que é dar corpo ao que nos une na especificidade das tradições a confraternização entre sócios (residentes, ausentes e amigos) e dignificar o nome  de “Barrancos”.

Determinando o estado de emergência o congelamento da nossa atividade (convívios, reuniões e ensaios do grupo coral, principalmente) a Direção permanecerá vigilante e em gestão corrente, até que esta situação se mostre substancialmente diferente podendo o Presidente da Direção ser contactado pelos meios habituais. 

Até lá, façamos votos para que não demore muito, solicitamos que haja toda a preocupação em não sermos agentes da expansão desta infeção que muita tristeza já causou e ainda continua a causar.

Use máscara, mantenha uma distância física mínima, quando não permanecer em casa,  lave e desinfete as mãos e coisas que possam estar infetadas.

Não corra riscos desnecessários, quando a proximidade da vacinação geral está aí como uma esperança de mudança.
Mesa da Assembleia Geral
NACB, aos 20 de Janeiro de 2021 
O Presidente da mesa da Assembleia Geral 
Aires Monteiro Gonçalves

(...)

sexta-feira, 22 de janeiro de 2021

COVID 19 - decorreu ontem a vacinação no Lar Nossa Senhora da Conceição de Barrancos

De acordo com Plano Nacional de Vacinação Covid 19, foram ontem vacinados os utentes e trabalhadores  do Estabelecimento Residencial para Pessoas Idosas de Barrancos (ERPI), pertencente ao Lar Nossa Senhora da Conceição.
A segunda inoculação deverá ocorrer daqui a três semanas.
Foto: BVB, 21-01-2021

quinta-feira, 21 de janeiro de 2021

COVID 19 - agravamento da situação pandémica obriga a encerramento das escolas por 15 dias (a partir de amanhã)

Face ao agravamento da situação da pandemia da doença Covid-19, e depois de analisar a informação partilhada pelos epidemiologistas e especialistas em saúde pública, o Governo determinou:
- a suspensão das atividades letivas e não letivas e de apoio social, a partir de 22 de janeiro e pelo período de 15 dias, compreendendo:
i) As atividades letivas e não letivas e formativas em estabelecimentos de ensino públicos, particulares e cooperativos e do setor social e solidário de educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário;
ii) As atividades de apoio à primeira infância de creches, creche familiar e amas, as atividades de apoio social desenvolvidas em Centro de Atividades Ocupacionais, Centro de Dia, Centros de Convívio, Centro de Atividades de Tempos Livres e universidades seniores.
 - a adoção das medidas necessárias para a prestação de apoios alimentares a alunos beneficiários do escalão A e B da ação social escolar;
- a identificação, em cada agrupamento de escolas, de um estabelecimento de ensino e em cada concelho de creche, creche familiar ou ama que promova o acolhimento dos filhos ou outros dependentes a cargo dos trabalhadores de serviços essenciais, cuja mobilização para o serviço ou prontidão obste a que prestem assistência aos mesmos;
- o encerramento de todas as atividades de tempos livres, todos os estabelecimentos de dança e de música, bem como as atividades desportivas escolares;
- a suspensão das atividades de formação profissional desenvolvidas em regime presencial realizadas por entidades formadoras de natureza pública, privada, cooperativa ou social, podendo ser excecionalmente substituída por formação no regime a distância, sempre que estiverem reunidas condições;
- o encerramento das Lojas de Cidadão, mantendo-se o atendimento presencial mediante marcação, na rede de balcões dos diferentes serviços, bem como a prestação desses serviços através dos meios digitais e dos centros de contacto com os cidadãos e as empresas.

Corpo dos BV de Barrancos celebra hoje 41 anos!

O corpo dos Bombeiros Voluntários de Barrancos, foi formalmente criado a 21 de janeiro de 1980. Faz hoje 41 anos.
Estão de parabéns todos os seus elementos, em especial o comando, o quadro ativo e de especialistas/auxiliares, que estão sempre disponíveis e prontamente mobilizáveis.
No contexto pandémico em que vivemos desde março de 2020, os bombeiros continuam a ser os que estão "à frente, da linha da frente"! 

Criada a Medida de Apoio Excecional aos Artesãos e às Unidades Produtivas Artesanais

Foi criada a Medida de Apoio Excecional aos Artesãos e às Unidades Produtivas Artesanais, a conceder a artesãos e a unidades produtivas artesanais com sede em território continental, como forma de incentivo à manutenção da atividade das empresas artesanais, para fazer face à perda de rendimentos decorrente do cancelamento de feiras e certames de promoção e comercialização do artesanato originado pela crise pandémica COVID-19

Apoio é concedido pelo Instituto do Emprego e da Formação Profissional (IEFP), e financiado por transferências das verbas do Programa de Promoção das Artes e Ofícios, criado pelo Decreto-Lei n.º 122/2015, de 30/6, que não foram executadas devido ao cancelamento de feiras e certames e que poderão ser reforçadas para o efeito.

O apoio financeiro atribuído tem o valor de quatro vezes o Indexante dos Apoios Sociais (IAS), concedido a título de subsídio não reembolsável.

Cestaria de Barrancos
(Foto: Arquivo eB, 2014)

quarta-feira, 20 de janeiro de 2021

COVID-19: Barrancos conta hoje com 7 novos casos ativos, sem qualquer recuperado

De acordo com o “ponto de situação”, desta data, da CMB/SMPC, o município Barrancos regista nas últimas 24 horas, mais 7 (sete) novos casos ativos de COVID-19, constituindo o pior dia de registos.
Na globalidade, Barrancos conta com 46 casos confirmados, desde o inicio da Pandemia, dos quais 27 casos ativos, 18 casos recuperados e um óbito.
Pela analise do documento, confirma-se o regresso ao domicílio de um(a) internado(a), e a transferência de outro do “geral” para a UCI. No total, "temos" dois casos em internamento.
(Fonte: CMB, facebook)

Associação Lar Nossa Senhora da Conceição de Barrancos faz hoje 87 anos

A associação Lar Nossa Senhora da Conceição de Barrancos (LNSCB) é uma Instituição Particular de Solidariedade Social (IPSS) criada por escritura pública celebrada em 27/06/2000, que sucedeu, na titularidade de todos os direitos e obrigações, à associação beneficente denominada “União de Caridade das Senhoras de Barrancos”, fundada em 20 de janeiro de 1934.
A associação LNSCB, atualmente tem a sede no Largo Tenente António Augusto de Seixas, onde funcionam dois equipamentos sociais: uma Estrutura Residencial para Idosos, com valência de Lar, Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário (SAD) e uma Creche, para bebés e crianças dos 4 meses aos 3 anos.
Instalações do Lar e Creche de Barrancos, vista sul
(Foto: Arquivo eB, 21-11-2011)

Banco de Medicamentos - comparticipação será paga em finais de fevereiro

Fonte: AR de Barrancos

Loja CTT de Barrancos oficialmente aberta - com festa de inauguração adiada "devido ao contexto pandémico"

Os CTT, em comunicado, informam que reabriram esta segunda-feira, dia 18 de janeiro, a Loja CTT de Alvito, "depois de recentemente (30 de novembro) terem aberto a Loja CTT de Barrancos".
Confirma-se, conforme o eB tinha adiantado, a reabertura da "Loja CTT de Barrancos, no mesmo local onde funcionava anteriormente, na Praça da Liberdade, nº6 A, em Barrancos, aberta nos dias úteis das 09h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30".
Ainda, segundo o comunicado citado, "face ao atual contexto pandémico e ao empenho e foco dos CTT em a ligar pessoas e empresas nesta fase difícil, mantendo a segurança de todos e acompanhando em permanência todas as recomendações das Autoridades, os eventos de inauguração da reabertura das Lojas CTT, com a habitual presença de várias entidades da Comissão Executiva dos CTT e locais serão reagendados."
Estas são as 25ª (Barrancos) e a 26ª (Alvito), Lojas em sede de municípios a serem reabertas, "no âmbito do compromisso público dos CTT de reabrir Lojas únicas em sede de concelho, tendo em vista o reforço da elevada proximidade às populações e da capilaridade da rede, não procedendo, como já foi tornado público, a novos encerramentos".
Edifício CTT de Barrancos - Praça Liberdade.
(Foto: eB, 08-01-2021)

Donald Trump sai - Joe Biden entra

Há quatro anos, no dia da eleição de Trump, que surpreendeu todo o mundo, mostrávamos preocupação pelo que que ia passar, a partir daquela data. Hoje sabemos como foi. O mais inepto Presidente dos EUA vai embora hoje, sem deixar saudades. Nem aos apoiantes!

Haja esperança, com Joe Biden, que hoje é empossado como o 46º Presidente dos EUA e Kamala Harris, Vice-Presidente. O ambiente fica mais limpo, a partir de hoje. Só falta derrotar esta Pandemia,... mas isto já depende de todos!

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

COVID 19 - o governo já não sabe o que fazer e a população está cansada de "medidas, atrás de medidas"....

 Síntese das novas medidas de restrições, a que de refere o Decreto nº 3-B/2021, desta data:
(mais informação aqui)

Limpeza de terrenos perto de edificações deve estar concluído até 15 de março

De acordo com o artigo 215º da Lei nº 75-B/2020, de 31/12 (Lei do Orçamento de Estado 2021), em 2021, independentemente da existência de Plano Municipal de Defesa da Floresta contra Incêndios (PMDFCI) aprovado: 
a) Os trabalhos definidos nos nºs 2, 10 e 13 do artigo 15.º do Decreto-Lei n.º 124/2006, de 28 de junho, devem decorrer até 15 de março; 
b) Os trabalhos definidos no n.º 1 do artigo 15.º do Decreto-Lei n.º 124/2006, de 28 de junho, devem decorrer até 31 de maio.
Ainda, segundo a LOE2021, "até 31 de maio de 2021, os municípios garantem a realização de todos os trabalhos de gestão de combustível, devendo substituir -se aos proprietários e outros produtores florestais em incumprimento, procedendo à gestão de combustível prevista na lei, mediante comunicação e, na falta de resposta em cinco dias, por aviso a afixar no local dos trabalhos".

segunda-feira, 18 de janeiro de 2021

COVID 19 - aprovadas novas restrições ao decreto que regula o confinamento da população de 15 a 30 de janeiro

O Conselho de Ministros aprovou hoje um decreto que procede a um conjunto de alterações no que respeita às medidas que regulamentam a prorrogação do estado de emergência decretado pelo Presidente da República até às 23h59 do dia 30 de janeiro (Decreto n.º 3-A/2021, de 14 de janeiro), e que entram em vigor no dia seguinte ao da sua publicação. 
De forma a responder à movimentação ocorrida nos últimos dias, que embora tenha sido menor não é suficiente para fazer face ao estado atual da pandemia da doença Covid-19, torna-se necessária a clarificação das medidas restritivas aplicadas e a adoção de medidas adicionais com vista a procurar inverter o crescimento acelerado da pandemia. Deste modo:
- estabelece-se a proibição de circulação entre concelhos aos fins-de-semana;
- é determinado que todos os estabelecimentos de bens e serviços encerram às 20h nos dias úteis e às 13h aos fins-de-semana e feriados, ficando na restauração e similares impedido o take-away e permitida a entrega ao domicílio. O retalho alimentar poderá funcionar aos fins-de-semana até às 17 horas;
- nos estabelecimentos de restauração e similares, fica proibida a venda de qualquer tipo de bebidas à porta ou ao postigo, sendo igualmente proibido o consumo de refeições ou produtos à porta do estabelecimento ou na via pública, sendo apenas permitida a venda de produtos embalados;
- encerramento de todos os espaços de restauração e similares situados em conjuntos comerciais, mesmo para take-away, podendo apenas funcionar para entrega ao domicílio;
- fica proibida a venda ou entrega à porta do estabelecimento ou ao postigo (click and collect ou take-away) em qualquer estabelecimento do ramo não alimentar;
- são proibidas todas as campanhas de saldos, promoções ou liquidações que promovam deslocações e concentração de pessoas;
- é proibida a permanência em espaços públicos de lazer, como parques ou jardins, sendo apenas autorizada a sua frequência para passeios de curta duração;
- prevê-se a abertura dos estabelecimentos dedicados a atividades de tempos livres para crianças com idade inferior a 12 anos (permanecendo encerrados os ATL para crianças com 12 ou mais anos); 
- é determinado o encerramento das universidades sénior e dos centros de dia ou de convívio para idosos;
- para reforçar a obrigatoriedade do teletrabalho, determina-se que:
   i) todos os trabalhadores que tenham de se deslocar para prestar trabalho presencial carecem de uma credencial emitida pela entidade patronal;
   ii) todas as empresas do setor de serviços com mais de 250 trabalhadores ficam obrigadas a enviar, no prazo de 48 horas, para a Autoridade para as Condições do Trabalho a lista nominal dos trabalhadores cujo trabalho presencial seja considerado indispensável.
O Plano de Vacinação vai ser acelerado nos lares, sendo o objetivo que todos os utentes estejam vacinados com a primeira dose até ao final da próxima semana.
Esta publicação não dispensa a consulta do decreto que sairá em Diário da República, brevemente, logo que promulgado pelo Presidente da República.