quarta-feira, 30 de junho de 2021

A partir de amanhã acabam os sacos gratuitos em lojas e os pratos e talheres de plástico em restaurantes

A partir de amanhã, quinta-feira, dia 1 de julho, já não poderá trazer as compras em sacos oferecidos pelo comerciante. A Lei nº 76/2019, de 2/9, aplica-se a todo o tipo de sacos, de qualquer material, incluindo os sacos disponibilizados pelas farmácias. 

"É proibida a disponibilização gratuita de sacos de caixa, isto é, sacos com ou sem pega, incluindo bolsas e cartuchos, feitos de qualquer material, que são destinados a enchimento no ponto de venda para acondicionamento ou transporte de produtos para ou pelo consumidor, com exceção dos que se destinam a enchimento no ponto de venda de produtos a granel", pode ler-se na lei.

Também os restaurantes, bares e cafés estão proibidos a partir de amanhã de usar pratos, talheres e copos de plástico. O Governo já tinha tentado antecipar esta medida mas devido à pandemia da Covid-19 não foi possível.

Recorde-se que a entrada em vigor desta medida,  que chegou a estar prevista para 1 de março, foi adiada para o dia 1 de julho de 2021, por força do artº 2º do Decreto-Lei nº 22-A/2021, de  17/3, que dá nova redação ao artigo 35º-N do Decreto-Lei nº 10-A/2020, de 13/3.

imagem daqui

ATL 2021 (de 12 de julho a 3 de setembro) - inscrições decorrem até 7 de julho

Fonte: CMB

Parque Natureza de Noudar - foi palco de exercícios militares

A Força Aérea organizou o exercício europeu multinacional Hot Blade 2021 (HB2021), de 16 a 30 de junho, na Base Aérea N.º 11, em Beja, no âmbito do Helicopter Exercise Programme, da Agência Europeia de Defesa (EDA). 

HB2021, planeado pelo Comando Aéreo, contou com a participação de cerca de 1500 militares e 26 meios aéreos de Portugal, Áustria, Eslovénia e Holanda. Neste exercício participam também controladores aéreos avançados (JTAC’s) da Bélgica e observadores da Eslováquia, Itália e Sérvia. Parte dos exercícios militares decorreram no Parque Natureza de Noudar, no passado dia 24 de junho.

captura de imagem do vídeo de Guy Dolmans
pode ver mais fotos em CMB, facebook

terça-feira, 29 de junho de 2021

Entidades com estatuto de utilidade pública têm prazo para proceder à sua confirmação, sob pena de caducidade

Foi publicada a Lei nº 36/2021, de 14/6, que aprova a lei-quadro do estatuto de utilidade pública que pretende reunir num único diploma todas as disposições sobre fundações e entidades com este estatuto e reforçar a sua fiscalização.

De acordo com o artigo 3º da lei citada, as pessoas coletivas a quem tenha sido atribuído o estatuto de utilidade pública ou o estatuto de utilidade pública administrativa por meio de ato administrativo devem comunicar à Secretaria-Geral da Presidência do Conselho de Ministros (SGPCM) o interesse em mantê-lo (para confirmação, sob pena de caducidade, de acordo com o seguinte calendário:
a) Até 31 de dezembro de 2023, para as pessoas coletivas privadas a quem o estatuto tenha sido atribuído até 31 de dezembro de 1980;
b) Até 31 de dezembro de 2024, para as pessoas coletivas privadas a quem o estatuto tenha sido atribuído entre 1 de janeiro de 1981 e 31 de dezembro de 1990;
c) Até 31 de dezembro de 2025, para as pessoas coletivas privadas a quem o estatuto tenha sido atribuído entre 1 de janeiro de 1991 e 31 de dezembro de 2000;
d) Até 31 de dezembro de 2026, para as pessoas coletivas privadas a quem o estatuto tenha sido atribuído entre 1 de janeiro de 2001 e 31 de dezembro de 2010;
e) Até 31 de dezembro de 2027, para as pessoas coletivas privadas a quem o estatuto tenha sido atribuído entre 1 de janeiro de 2011 e a data de entrada em vigor da presente lei.

estatuto de utilidade pública pode ser atribuído a pessoas coletivas que revistam uma das seguintes formas jurídicas:
a) Associações constituídas segundo o direito privado;
b) Fundações constituídas segundo o direito privado;
c) Cooperativas.

Em Barrancos, que o eB tenha conhecimento, há três entidades com o estatuto de utilidade pública: o Lar Nossa Senhora da Conceição de Barrancos (que prossegue fins no sector da solidariedade social), a Associação Humanitária dos BVB (fins na área da proteção de pessoas e bens, designadamente o socorro de feridos, doentes ou náufragos, e extinção de incêndios e o Centro Social e Cultural dos Trabalhadores da Câmara Municipal de Barrancos (que prossegue fins na área da saúde).

(mais aqui)

Aditamentos
1 - A Portaria nº 138-A/2021, de 30/6, procede à regulamentação da Lei-Quadro do Estatuto de Utilidade Pública, aprovada em anexo à 
Lei n.º 36/2021, de 14/6.

2 - Cf Declaração de Retificação nº 22/2021, de 9/7. 

segunda-feira, 28 de junho de 2021

COVID 19 - Barrancos novamente com zero casos ativos*

* Fonte: CMB/SMPC

Programa das Jornadas do Património "entre Noudar e Barrancos" - 2 e 3 de julho de 2021

Inscrições em:

Programa de Apoio a Edifícios Mais Sustentáveis (2ª fase) - mais uma vez Barrancos ficará de fora!

Foi publicado o Despacho nº 6070-A/2021/MAAC, que aprova o regulamento de atribuição de incentivos da 2.ª fase do Programa de Apoio a Edifícios Mais Sustentáveis. O Programa de incentivos abrange edifícios de habitação existentes, unifamiliares, bem como edifícios multifamiliares ou suas frações autónomas, construídos e licenciados para habitação até 31 de dezembro de 2006, inclusive, em todo o território nacional.

Nesta 2ª fase, tal como sucedeu na 1ª fase que o eB denunciou, será impossível a um(a) proprietário(a) de Barrancos beneficiar do programa, por uma razão simples: não há na zona empresas ou instaladores certificados e/ou registados nas plataformas referidas no ponto 7.4 do regulamento do programa (foto1 abaixo). As empresas/instaladores mais próximos, a 120 ou 180 km, nunca mostraram interesse em responder aos pedidos de orçamento, por razões obvias. A distância e o mercado!


O programa, tal como está, tem como destinatários as grandes cidades e áreas metropolitana de Lisboa ou Porto. O governo, através do Fundo Ambiental, que coordena o programa, não atendeu as sugestões, nem sequer respondeu aos pedidos de esclarecimentos que, sabe o eB, terão sido apresentados a partir de Barrancos.

O regulamento tem como objetivo apoiar candidaturas que podem incluir uma das seguintes tipologias de projetos:

a) Substituição de janelas não eficientes por janelas eficientes, de classe energética igual a «A+»;

b) Aplicação ou substituição de isolamento térmico em coberturas, paredes ou pavimentos, recorrendo a materiais de base natural (ecomateriais) ou que incorporem materiais reciclados, bem como a substituição de portas de entrada;

c) Sistemas de aquecimento e/ou arrefecimento ambiente e de águas quentes sanitárias (AQS) que recorram a energia renovável, de classe energética «A+» ou superior;

d) Instalação de painéis fotovoltaicos e outros equipamentos de produção de energia renovável para autoconsumo com ou sem armazenamento;

e) Intervenções que visem a eficiência hídrica por via da substituição de dispositivos de uso de água na habitação por outros mais eficientes, por instalação de soluções que permitam a monitorização e controlo inteligente de consumos de água ou por instalação de sistemas de aproveitamento de águas pluviais;

f) Intervenções para incorporação de soluções de arquitetura bioclimática, que envolvam a instalação ou adaptação de elementos fixos do edifício, designadamente sombreamentos, estufas e coberturas ou fachadas verdes, privilegiando soluções de base natural.


Foto 1: requisitos das empresas/instaladores

domingo, 27 de junho de 2021

"O tempo é como uma selo a atestar a existência. E, tal como o selo, é artificial." *

(* cap V, 1º parágrafo, pág. 107)
(a conversão forçada, a traição, a perseguição, os cristãos-novos, a inquisição, as fogueiras, o papel da Igreja e dos frades dominicanos na Lisboa de 1506, retratada por Berequias Zarco, sobrinho de Abrãao Zarco, um influente judeu da época, tudo isto num livro que recomendo)

 

sábado, 26 de junho de 2021

Decisões da assembleia municipal de Barrancos, de 25 de junho de 2021

A assembleia municipal de Barrancos, reunida ontem à noite no auditório do cineteatro de Barrancos, entre as 21h30 e as 23h00, com a presença de 15 dos seus 16 membros, resolveu o seguinte:
1 – Aprovar a ata da reunião ordinária de 30 de abril de 2021
2 – Tomar conhecimento da informação nº 24/2021/UAF, de 1/6, relativa aos compromissos plurianuais
3 – Tomar conhecimento do expediente diverso recebido na AMB
4 – Apreciar a informação escrita do presidente da CMB e a analise financeira do Município 
Neste ponto, entre outros assuntos, a oposição solicitou esclarecimentos sobre as - “obras da casa mortuária, adjudicadas por cerca 500 mil euros, ao qual somam mais 150 mil de um ajuste direto recente, à mesma empresa;” - as “obras na piscina que estão a decorrer desde o princípio do mês, sem que tenha sido concluído o procedimento concursal da empreitada”. 
Na resposta, o presidente da CMB confirmou o ajuste direto no processo da Casa Mortuária, e disse serem "trabalhos preliminares" no caso da piscina.
5 – Aprovar, por maioria, o “relatório e contas de 2020 do município de Barrancos”
6 – Retirar da ordem de trabalhos, o ponto 3 relativo a “ratificação de aumento de capital da Resialentejo,,,”, por, segundo o alerta da oposição, “não constar  nos documentos previsionais de 2021
7 – Aprovação, por maioria, a proposta de “contrato de gestão delegada na Resialentejo”
8 – (aditamento) Ratificar, por voto secreto, com 13 votos a favor e dois votos contra, a proposta da CMB, da mesma data, que atribui a Medalha de Mérito Municipal, prevista no art. 5º do regulamento municipal de condecorações, à prof. Maria Vitória Navas.
Notas
- Faltou um membro da CDU;
- Esteve presente um/a, dos dois dirigentes municipais em efetividade de funções. Havia quatro cidadãos de público, que não solicitaram qualquer intervenção.
- Atualizada a redação do ponto 8, na parte relativa à votação.
Salão Nobre dos Paços do Município de Barrancos.
Foto: Arquivo 
eB, 2013

Maio de 2021 - Quente e muito seco em Portugal Continental

Em maio de 2021 o valor médio da temperatura média no Globo foi 0.26 °C superior ao valor médio de 1991-2020 e inferior em 0.46 ° C na Europa (Fig. 1).

Segundo o relatório do IPMA, em maio de 2021, maior parte da Europa teve temperaturas inferiores à média. Na Alemanha foi o maio mais frio desde 2010 e no Reino Unido verificaram-se temperaturas máximas muito baixas. Por outro lado ocorreram temperaturas acima do valor médio na região leste do continente, no sul de Espanha, Grécia, Turquia e oeste da Noruega. Por exemplo, na Rússia, as temperaturas ultrapassaram 30 °C na zona norte do Círculo Polar Ártico.

Em relação à precipitação o mês foi mais húmido do que a média na maior parte da Europa central e do norte e mais seco do que a média no restante continente.
Em Portugal continental o mês de maio de 2021, classificou-se como quente e muito seco em relação à precipitação (Fig. 2).
Em relação à temperatura do ar, o valor médio da temperatura média, 16.20 °C, foi +0.47 °C em relação ao valor normal 1971-2000. O valor médio de temperatura mínima do ar, 9.75 °C, foi o 3 º mais baixo desde 1931, com uma anomalia de -0.74 °C; o valor médio de temperatura máxima do ar, 22.64 °C, foi superior ao valor normal, +1.68 °C.

O valor médio da quantidade de precipitação em maio, 32.8 mm, foi inferior ao valor normal 1971-2000 correspondendo a 46 %. De salientar durante o mês o dia 31 de maio, na região nordeste do território, a ocorrência de aguaceiros fortes, queda de granizo e trovoada.

Assim no final de maio verificou-se um aumento da área em seca meteorológica assim como da intensidade na região Sul. As regiões do Baixo Alentejo e Algarve estão na classe de seca moderada com alguns locais em seca severa. De salientar também a região nordeste na classe de seca fraca.

Fig. 1. Temperatura do ar e precipitação no mês de maio (período 1931 – 2021)

REMAL - renovação do registo municipal das associações locais - até 30 de junho 2021

 

sexta-feira, 25 de junho de 2021

COVID 19 - Relatório semanal DGS regista o caso positivo de Barrancos

O relatório de situação desta data, da DGS, atribuiu a Barrancos uma incidência de 61 casos por 100 mil habitantes, que corresponde ao (único) caso positivo registado no ponto de situação da CMB/SMPC de 21 de junho, segunda-feira, que poderá ter a "alta" brevemente.

Fonte: DGS, 25-06-2021

Congresso Internacional - “Fronteira luso-espanhola: pessoas, povos e palavras” (2022)

encontro, a realizar de 20 a 22 de junho de 2022 na Facultad de Filosofía y Letras de la UAH (Madrid), está aberto a contribuição sobre a fronteira Espanha-Portugal, enquadrada em qualquer âmbito temático e a partir de qualquer perspetiva de estudo.

As pessoas interessadas em apresentar uma comunicação deverão enviar um resumo, no máximo de 500 palavras, na língua em que a comunicação será apresentada, ao endereço de correio eletrónico frontespo@gmail.com , até 30 de novembro de 2021. O/s autor/es serão notificados do resultado da avaliação das suas propostas até 31 de janeiro de 2022.

Mais informação em Frontespo2022.

quinta-feira, 24 de junho de 2021

COVID 19 - quarta prorrogação da declaração de calamidade, com alteração de medidas, até 11 de julho de 2021

O Conselho de Ministros aprovou hoje a resolução nº 77-A/2021, que prorroga  "até às 23h59 do dia 11 de julho de 2021, a situação de calamidade em todo o território nacional continental", que teve início no passado dia 1 de maio.
 
Tomando por base os dados relativos à incidência por concelho à data de 23 de junho, foram introduzidas alterações no que respeita aos municípios abrangidos por cada uma das fases de desconfinamento:
- aos municípios de Albufeira, Lisboa e Sesimbra aplicam-se as medidas de risco muito elevado; 
- as medidas de risco elevado aplicam-se aos concelhos de Alcochete, Almada, Amadora, Arruda dos Vinhos, Barreiro, Braga, Cascais, Grândola, Lagos, Loulé, Loures, Mafra, Moita, Montijo, Odemira, Odivelas, Oeiras, Palmela, Sardoal, Seixal, Setúbal, Sines, Sintra, Sobral de Monte Agraço, Vila Franca de Xira;
- a todos os restantes municípios aplicam-se as regras da fase 1, de 10 de junho.
Em estado de alerta estão os municípios de Alenquer, Avis, Castelo de Vide, Castro Daire, Chamusca, Constância, Faro, Lagoa, Mira, Olhão, Paredes de Coura, Portimão, Porto, Rio Maior, Santarém, São Brás de Alportel, Silves, Sousel, Torres Vedras.
 
De forma a conter o aumento de incidência que se tem verificado, fica proibida a circulação de e para a Área Metropolitana de Lisboa ao fim-de-semana, entre as 15h00 do dia 25 de junho e as 06h00 do dia 28 de junho, sem prejuízo das exceções previstas.
É ainda admitida a circulação mediante apresentação de comprovativo de realização laboratorial de teste para despiste da infeção por SARS-CoV-2 com resultado negativo ou, alternativamente, mediante apresentação do Certificado Digital COVID da União Europeia.
 

CIMBAL adia serviço rodoviário do Baixo Alentejo para 2022

Segundo a decisão do Conselho Intermunicipal da CIMBAL, de 14 de junho, citada pelo jornal on line Atual, "o início do período de exploração da concessão de Serviço Público do Transporte Público Rodoviário de Passageiros do Baixo Alentejo", foi  adiado para janeiro de 2022. 

Recorde-se, que foi a "Rodoviária do Alentejo, o operador rodoviário que venceu o concurso lançado pela CIMBAL", cujo contrato de exploração, já visado pelo Tribunal de Contas, deveria ter tido inicio, progressivamente, desde 1 de janeiro de 2021.

Entretanto, até final de 2021, as carreiras de Barrancos/Moura/Barrancos (dias úteis) e Barrancos/Amareleja/Barrancos (segunda e sexta-feira), continuam a ser asseguradas pela operadora de transporte local, Empresa de Viação Barranquense.

Foto: Jornal Correio do Alentejo, 06/05/2021

quarta-feira, 23 de junho de 2021

Assembleia municipal de Barrancos - 3ª sessão ordinária de 2021 convocada para 25 de junho (sexta-feira)

OT - AMB, 25-06-2021

 

Oferta de emprego - Agrupamento de Escolas de Barrancos "procura" dois assistentes técnicos (m/f)

Pelo Aviso (extrato) n.º 11510/2021, de ontem, se encontra aberto, pelo prazo de 10 dias úteis contados a partir do dia seguinte ao da publicação no Diário da República, ou seja, até 06/07/2021, procedimento concursal para preenchimento de dois lugares de assistente técnico (administrativo) do Agrupamento de Escolas de Barrancos, na modalidade de contrato de trabalho em funções públicas por tempo indeterminado. 

Para mais informação consultem a Bolsa de Emprego Público, onde será publicado o aviso concursal, na íntegra, e o Agrupamento de Escolas de Barrancos.

terça-feira, 22 de junho de 2021

Educação - abertura de prazos para matrículas/renovações ano letivo 2021/2022

Deve usar o Portal das Matrículas para:

– Matrícula, pela primeira vez, no Pré-Escolar e no 1.º ano;
– Renovar matrícula, na transição para o 5.º, 7.º, 10.º e 12.º anos;
– Renovar matrícula, na transição para os outros anos, sempre que pretenda ou seja necessária:
– A mudança de estabelecimento de educação ou de ensino;
– A alteração de encarregado de educação;
– A mudança de curso ou de percurso formativo;
– A escolha de disciplinas.

(Mais informação em Agrupamento de Escolas de Barrancos)

Exposição "um olhar no tempo - quantas recordações" - de 22 de junho a 15 de setembro de 2021

"Um olhar no tempo"- Quantas Recordações"
O que eram as suas vivência, os seus costumes...
Onde e como viviam...
Como e com o que trabalhavam...
Foto: ARB

segunda-feira, 21 de junho de 2021

Roadshow Tecnológico de Valorização Integrada do Cardo - DOP Nisa & Portalegre Circular em análise

As inscrições estão abertas através do formulário:  https://forms.gle/bfu1gXc7SRN2snAs9

Esta é uma iniciativa do projeto "CynaraTec - Transferência de Tecnologia para Valorização do Cardo" promovida pelo CEBAL, Instituto Politécnico de Beja e Universidade de Évora

COVID 19 - ponto de situação de Barrancos

Apesar das muitas precauções e cumprimento das recomendações da DGS, o vírus é traiçoeiro e "apanha-nos" onde menos se espera!
Entretanto, apesar deste positivo, “não existem redes de contágio ativas em Barrancos”, como bem refere o comunicado da CMB/SMPC. Está tudo bem. A recuperação (alta) poderá ocorrer no fim-de-semana. 

Fonte: CMB/SMPC

COVID 19 - Testes recomendados em contexto laboral, casamentos, batizados e eventos culturais e desportivos

A Direção-Geral da Saúde atualizou no passado dia 15 de junho, a Norma referente à Estratégia Nacional de Testes para SARS-CoV-2, reforçando a realização de rastreios laboratoriais como medida de controlo da transmissão comunitária.

Esta norma recomenda a realização de rastreios laboratoriais em eventos familiares, designadamente casamentos e batizados, bem como quaisquer outras celebrações similares, com reunião de pessoas fora do agregado familiar, aos profissionais e participantes sempre que o número de participantes seja superior a 10

Em eventos de natureza cultural ou desportiva, recomenda-se a testagem sempre que o número de participantes/espectadores seja superior a 1000, em ambiente aberto, ou superior a 500, em ambiente fechado.

pormenor do Parque de feiras e Exposições de Barrancos, donde também
se realizam casamentos e batizados.
(Foto: Arquivo eB, 26-04-2015)

domingo, 20 de junho de 2021

Amanhã às 4h32 começa o verão

O Solstício de Verão ocorre amanha, dia 21 de junho de 2021, às 04h32, marcando o início da estação no hemisfério norte (a mais quente apesar da Terra vir a estar o mais longe do sol a 5 de Julho). O sol neste dia de solstício estará o mais alto possível no céu e aquando da sua passagem meridiana atingirá a altura máxima de 75° em Lisboa.
O Verão prolonga-se por 93,66 dias até ao próximo Equinócio, a 22 de Setembro de 2021.
Amanhã, segunda-feira, será o dia mais longo do ano, começando a diminuir logo no dia seguinte.

Câmara de Barrancos reúne amanhã para aprovar "relatório e contas de 2020"

Fonte: CMB

sexta-feira, 18 de junho de 2021

17ª Festival Terras Sem Sombra - programa de Barrancos (19 e 20 de junho)


 

COVID 19 - Altera as medidas aplicáveis a determinados municípios no âmbito da situação de calamidade

O governo, pela Resolução do Conselho de Ministros nº 76-A/2021, altera e reforça as medidas aplicáveis a determinados municípios, a partir das 00h00 de 18 de junho, salvo a limitação de circulação de e para a Área Metropolitana de Lisboa, que produz efeitos entre as 15h00 desta sexta-feira, 18, e as 6h00 de segunda-feira,  21 de junho de 2021.



Convocatória para o Dia da Defesa Nacional - Quintos(as) 2021*

Em 2021, estão convocados a comparecer ao Dia da Defesa Nacional, os 25 jovens abaixo identificados:

DDN - 3 de setembro 2021, em Beja

ver aqui mais informação

* estavam convocados para o DDN a 21/05/2020, suspensa por motivos da Covid19

quinta-feira, 17 de junho de 2021

Concerto em Barrancos: Quarteto de Metais Alentejano, amanhã, quinta-feira,18 de Junho, às 11h00

O Quinteto de Metais Alentejano, um ensemble de referência na sua área artística, apresenta-se esta sexta-feira, 18 de Junho, às 11h, no Cineteatro de Barrancos. O concerto “Cantigas de Animais”, de entrada livre, tem um cariz didáctico e destina-se a todas as idades. Contamos consigo!


Sabores do Porco Preto (Barrancos) abre talho em Évora

A Sabores do Porco Preto (marca da empresa Produtos do Porco Preto de Barrancos), vai abrir brevemente em Évora (na Rua de Aviz, 133-135), um talho especializado em carne de Porco Preto de altíssima qualidade e frescura.

A empresa PPP Barrancos, com sede em Barrancos, onde tem uma loja/talho, na Praça do Município, dedica-se à comercialização de carnes de qualidade e enchidos tradicionais alentejanos.


quarta-feira, 16 de junho de 2021

"Conservação do Lince-ibérico - A Fronteira como área de expansão natural da espécie "

Pode assististir ao webinar do projeto Proiberlinx, amanhã, 17 de junho, pelas 10h, no seguinte link: http://bit.ly/Webinar_projeto_pro-Iberlinx

17.ª edição do Festival Terras sem Sombra - "arranca" este fim-de-semana em Barrancos (19 e 20 de junho)

Após a interrupção da programação de 2020 - devido à situação pandémica -, o Festival Terras Sem Sombra (FTSS) regressa ao convívio com os seus públicos, começando este fim-de-semana, 19 e 20 de junho, em Barrancos.

O programa do fim-de-semana inaugural do Festival, tem como destaque a atuação dos Les Abbagliati no Cineteatro de Barrancos, sábado, dia 19, às 21h30. (ver abaixo o programa; aguardando-se o cartaz)

Em formato de quarteto, o agrupamento apresenta-se com a cantora Soetkin Elbers (soprano), Sien Huybrechts (flauta), Rona Kernoa (violoncelo e viola da gamba) e Dimos de Beun (cravo), artistas-chave no panorama da música europeia da atualidade. Les Abbagliati apresentam um programa intitulado “As Harmonias do Amor: Paixão e Superação na Música Barroca”, que integra peças dos compositores Händel, Bononcini, Scarlatti, d’Astorga e Vivaldi. O nome do agrupamento – em português, Os Deslumbrados –, traduz bem o deslumbramento por um património artístico do Barroco, um período que marcou indelevelmente a História da Música

A par do momento musical, o fim-de-semana integra ainda as ações de Património e de Salvaguarda da Biodiversidade. Na tarde de sábado, dia 19, às 15h00, realiza-se uma visita guiada pela vila de Barrancos, intitulada “Entre o Alentejo e a Andaluzia”, sendo guias Lídia Segão, arqueóloga do museu municipal e José António Falcão, historiador de arte. A peculiar história da localidade (Barrancos) será pretexto para um olhar e reflexão acerca das particularidades do urbanismo e da arquitetura (tradicional e erudita), numa zona raiana profundamente marcada pelo encontro das tradições construtivas do Alentejo e da Andaluzia, a que Barrancos imprimiu um cunho próprio. 

No que respeita à atividade de património natural, o convite é para a observação da geodiversidade do Vale da Ribeira de Múrtega, sob a orientação do geólogo João Matos, do Laboratório Nacional de Geologia e Energia. Esta ação, decorre domingo, dia 20, às 9h30, com concentração no jardim do Miradouro.

O programa do Festival Terras sem Sombra em Barrancos oferece uma oportunidade rara para se assistir a um concerto de música barroca por um ensemble que tem atuado em diversos festivais internacionais, assim como propõe atividades que visam a sensibilização para a salvaguarda do património histórico e cultural de uma das regiões raianas mais singulares de Portugal.

(programação  19 e 20 de junho de 2021- Barrancos)


O calendário para 2021 do Festival Terras sem Sombra prosseguirá a 26 e 27 de Junho, em Alter do Chão, com a presença do agrupamento La Ritirata, num concerto subordinado ao tema “Il Spiritillo Brando: Música de Corte na Península Ibérica e no Vice-Reino de Nápoles (Séculos XVI-XVII)”. Os concelhos de Arraiolos (3 e 4 de Julho), Santiago do Cacém (17 e 18 de Julho), Castelo de Vide (31 de Julho e 1 de Agosto), Beja (7 e 8 de Agosto), Sines (21 e 22 de Agosto), Ferreira do Alentejo (4 e 5 de Setembro), Viana do Alentejo (12 e 13 de Setembro) e Vila Nova de Mil Fontes (18 e 19 de Setembro) seguem-se na programação da presente temporada do Festival.

A exemplo das anteriores temporadas, a programação inclui, para além da Música, atividades de Património e Salvaguarda da Biodiversidade.

O Festival Terras sem Sombra é uma temporada cultural que, em itinerância por diversos concelhos do Alentejo, propõe um programa que abarca a música erudita, o património e a salvaguarda da biodiversidade. Todas as atividades acontecem aos fins de semana e são de entrada livre e gratuita.

Promovido pela associação Pedra Angular – entidade cultural e científica, sem fins lucrativos, fundada em 1996 –, o Festival é uma iniciativa da sociedade civil que visa dar a conhecer a um público alargado um território, o Alentejo, que sobressai pelos valores ambientais, culturais e paisagísticos e apresenta um dos melhores índices de preservação da Europa. A sensibilização das comunidades locais para a valorização e a salvaguarda dos recursos culturais e naturais é uma prioridade do Festival. 

O Festival Terras sem Sombra é um projeto co-financiado pelo Alentejo 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER.

terça-feira, 15 de junho de 2021

As DOP's de Barrancos

GIview é uma base de dados EUIPO para pesquisar todas as indicações geográficas protegidas a nível da União Europeia. A Glview contém também informação detalhada sobre Indicações Geográficas não comunitárias, protegidas na UE através de acordos bilaterais e multilaterais, e sobre as IG comunitárias protegidas em países terceiros.

Na GIview os produtores podem carregar os seus dados de contacto e informações sobre os seus produtos, o que ajuda as autoridades antifraude a entrar em contacto com eles em caso de suspeita de violação dos DPI.
No caso de Barrancos, consta na GIview a DOP Presunto/Paleta de Barrancos, com as referências legais desde a sua criação/proteção, em 21/06/1996.


segunda-feira, 14 de junho de 2021

COVID 19 - respeitando a sinalética (horizontal)

(Foto: eB, 09-06-2021)

ERPI de Barrancos - passam hoje 10 anos nas novas instalações!

Passam hoje 10 anos que ocorreu a abertura  das novas instalações do Lar Nossa Senhora da Conceição de Barrancos (LNSCB).

As obras, iniciadas em abril de 2009 ficaram concluídas em fevereiro de 2011. As novas instalações foram visitadas pela população nos dias 10 e 11  de junho (sábado e domingo) e os utentes que se encontravam no antigo edifício começaram a mudança depois do pequeno-almoço, do dia 14 de junho de 2011. O almoço desse dia já foi servido no refeitório das novas instalações. O antigo edifício, sito na Rua 1º de dezembro, foi encerrado definitivamente nessa data, e assim continua, 10 anos depois. A Creche, integrada no edifício, que constitui uma nova valência da associação, só entrou em funcionamento no início do  ano letivo 2011/2012.

construção destas instalações, "candidatadas ao programa PARES II, só foi possível com o apoio do Município de Barrancos, que suportou os custos do estudo prévio e do projeto de execução, cedeu o lote de terreno e assumiu o compromisso de financiar a parte não elegível." As obras tiveram um custo aproximado de dois milhões e duzentos mil euros (sem incluir o IVA), dos quais só um milhão e vinte mil euros foram comparticipados pelo PARES.

O edifício que alberga a ERPI (equipamento residencial para idosos) e a Creche, será o único equipamento social, concluído e em funcionamento, sem que tivesse sido "formalmente inaugurado",... em Barrancos!
vista do alçado posteiro e lateral
(Fotos: eB, 10-02-2020)
vista entrada principal e posterior (parcial)
(Fotos: 09-06-2021)

domingo, 13 de junho de 2021

REMAL - aberta candidatura para inscrição/atualização até 30 de junho


O Programa Municipal de Apoio ao Movimento Associativo Local, abreviadamente PAMAL, tem como finalidade:
- A criação do registo municipal de associações locais (REMAL);
- A criação de um instrumento municipal de apoio financeiro destinado à modernização, ao apetrechamento e ao desenvolvimento de atividades das associações locais.
O REMAL, criado no âmbito do PAMAL, tem como objetivo:
- Identificar as associações que desenvolvem atividades de interesse público, na área do município de Barrancos;
- Comprovar a natureza e os fins da associação;
- Dotar o município de instrumentos e mecanismos que permitam, de forma objetiva e transparente, estabelecer critérios que visem uma maior capacidade de aferição da gestão e de funcionamento das associações locais, bem como a elaboração da Carta Social, nos termos a regulamentar;
- Facultar o acesso às formas de apoio e cooperação previstas neste regulamento.

O registo das associações locais no REMAL não é obrigatório, salvo para aquelas que pretendam beneficiar de subsídios/apoios municipais.