quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Preciso uma porta...

... mas em Barrancos não arranjo carpinteiro que ma faça!? Não há.
Este foi um dos últimos comentários (diríamos que foi um desabafo) recebidos no eB, no caso a propósito da crónica sobre a "cooperativa". Mas não se pense que é  o único "pedido" recebido no eB. Não! Há vários e a sua maioria relacionados com profissões que "não temos em Barrancos, mas cujos serviços são necessários, e temos de arranjar fora...".

Há quem diga que precisamos de sapateiro (levamos os sapatos a Espanha!); precisamos de barbeiro (cortamos o cabelo em Espanha!) - neste caso, falo por conhecimento próprio, valem-nos as cabeleireiras locais, que são excelentes; precisamos de carpinteiro (ou vamos a Espanha ou ficamos sem porta, como este leitor); precisamos de eletricista (só com a ajuda de um pedreiro ou pedimos um favor); precisamos de canalizador (só se a Câmara nos desenrascar!!!...).
"Se antes havia, porque agora não há?" (do comentarista citado no início)
Este tema já foi aqui e aqui tratado, e provavelmente noutros sítios...

7 comentários:

Anónimo disse...

100% da rasaõ mas se abrimos uma pota nao nos gobernamos porque comtinuamos fasemdo o mesmo como acomteçe com a restauraçaõ os ilegais bemdemais que os legai e no facebook os apoiam Bem E BEMDEM BEM. ASS.M.B

Anónimo disse...

Em Barrancos, electricista de instalações,José Francisco, TLM 922254244.

Anónimo disse...

O grande problema é que para os barranquenhos continua ainda o velho lema que "os de fora é que são os bons". Os da terra nos enganam sempre, então compramos fora ou preferimos ir fora pensando que é mais barato sem sequer saber os preços cá.
Rui

Anónimo disse...

Boas jacinto, todo barrancos sabe que essa de que á falta de electricista é mentira, porque toda a população de barrancos sabe que o xico pesquisa é o único que tem aproveitado o curso de electricista com o pouco trabalho que lhe tenhem dado.
Porque ele fez algumas instalações eléctricas até que apareceram os de fora, como o do lar de idosos que o xico pesquisa começou a instalação eléctrica do lar do início ate quase ao fim e depois foram buscar um electricista de fora para ficar lá a tempo inteiro.
Se queres publicar este comentário é contigo, porque tu jacinto sabes que é verdade.

Anónimo disse...

Temos um excelente electricista, nomeado Francisco Marques.
Cumprimentos.

Anónimo disse...

Caro Rui, há uns tempos atrás, precisei de um serviço de carpintaria/serralharia, e como tal, corri Barrancos a procura de alguém que me fizesse o serviço, e ninguém estava disponível,tinham muito trabalho, diziam eles, deixo adivinhar para onde me virei, Espanha claro, e ao fim de uma semana tinha tudo resolvido. Seremos nós que não procuramos os barranquenhos, ou serão os barranquenhos que não estão disponíveis para trabalhar para o povo de Barrancos? Fica a pergunta no ar...
Cumprimentos e bem Haja a todos.

Jacinto Saramago disse...

Caro anónimo das 23h18:
Hesitei em publicar o comentário, mas, como eu sei que tu sabes, cá vai a resposta: 99% do que relatas no 2º paragrafo não corresponde à realidade.

(nota: neste momento o Lar precisa de um técnico eletricista para manutenção das instalações. Há gente em Barrancos com competência para assumir aquela função?

Eu respondo: NÃO.

Cpts