sexta-feira, 6 de novembro de 2009

EN 386 Amareleja/Barrancos

EN 386 está finalmente em obras!...
Para quem esperava uma grande intervenção no troço Amareleja/Barrancos, provavelmente vai ficar desiludido. A Estrada de Portugal (EP) começou esta semana as obras esperadas há anos, mas para quem já passou pelos trabalhos viu apenas uma "pintura". Pelo que se vê, as obras resumem-se à aplicação de uma ligeira camada de alcatrão, uma limpeza, que não tapa um buraco...
.

Foto: Obras na EN 386 (06112009)

A EN 386, construída nos finais dos anos 60 do séc. XX, quando não havia uma carro, tem o mesmo traçado desde essa data, tendo sofrido algumas intervenções mínimas que em nada melhoraram a aderência ao tapete. Consta, quem por lá passa quase diariamente, que os buracos e as lombas são quase da família e têm nome...
.
Esperamos que o Instituto de Infra-Estruturas Rodoviárias (InIR), que tem por missão "regular e fiscalizar o sector das infra-estruturas rodoviárias e supervisionar e regulamentar a execução, conservação, gestão e exploração das referidas infra-estruturas", esteja atento a esta intervenção.

Para mais informação sobre este tema: http://estadodebarrancos.blogspot.com/search?q=Estradas

11 comentários:

romcadur@gmail.com disse...

Não, não chamem a este caminho, uma Estrada Nacional.
Não poderão iguala-la as estradas do resto do País do qual õ concelho faz, ou deveria fazer, perte integrante com igualdade de atanções em relação a outros.

È de lamentar, mas as pessoas minhas amigas que se desloca a Barrancos por meu convite, e são muitas de Norte a Sul, fazem sempre critica vergonhosa e não solicitada com referência aos acessos.

Não é de todõ, culpa das ´várias adinistrações , que tem feito sempre pressão para conseguires revolver a situação, mas nenhuma delas tomou uma atitude forte.

Lembro-me que todas tinham nscrito nos seus programas o caso dos acessos NACIONAIS.

Ao IEP enviarei também cópia deste mail para que tenha ergonha do estigma a que o CONCELHO DE BARRANCOS ESTA SUBMETIDO.

Anónimo disse...

Sim, realmente estão a realizar uma grande obra…! A passada intervenção no troço integrado no município de Mourão, melhorou um pouco, a camada aplicada ainda atingiu mais ou menos os 10 cm, o que permitiu atenuar a sinuosidade de algumas lombas. Agora, a intervenção resume-se a uma simples pintura para apagar o pó…! Bem, já que a escassa chuva não o consegue fazer,a pintura resolve esse inconveniente...

Domingas Segão

jdms disse...

Nota do autor: Como bem nota o Romão, esta estrada mais parece um caminho, tendo este calvário começado com a sua desclassificaçao como EN e a renomeação como ER (estrada regional) pelo PRN 1994, no pressuposto de que fossem criadas as regiões administrativas e estas fossem gestoras das ER. Decorridos estes anos todos, a EN 386 é uma espécie de terra de ninguém, como podem confirmar no site da Estradas de Portugal, onde não consta!
Entretanto, se esta estrada não "existe" para o Estado português, já a EN 258 (St Aleixo), continua EN mas num estado tão ou mais lastimoso e criminoso que a EN 386. Já solicitei ao INR, que fiscaliza as estradas nacionais, o envio do relatório sobre estas duas estradas, sem que tenha tinho qualquer sucesso. Vamos esperar mais uns dias.
Cpts.
Jacinto Saramago

Anónimo disse...

Porque não chamarmos o Nós por Cá, que já tem salvado muitas situações deste genero?

Anónimo disse...

Na minha opinião, estes acesso são uma vergonha para nós barranquenhos!
Sim porque cada vez que somos obrigados a sair de Barrancos, é uma aventura, buracos, lombas, pedras na estrada, curvas e mais curvas, veados... já sem contar já com os comentários dos nossos amigos que quando nos visitam, o primeiro que dizem ao chegar, como ja referenciou também o Sr. RD, "bem que estrada de m****"...
É triste e lamentável esta situação, porque nós barraquenhos também pagamos impostos, temos os mesmos direitos que os restantes Portugueses...
Contudo o que se tem feito a respeito ou para alterar esta situação? NADA
Com uns acessos assim, que desemvolvimento económico é que querem que as pessoas e investidores da nova Z.Industrial tenham em mente, acham mesmo que é rentável investir?! Acho que não...
Não seria a hora de realização de um abaixo-assinado, uma manifestação ou algo para chamar a atenção para este problema?!?!
(...)
Parabens ao blog.

Anónimo disse...

Concordo com a manifestaçao, se amanha proibem outras vez os touros de morte vai haver milhares de pessoas a manifestarem-se, mas para o que e das estradas ninguem faz nada...

Anónimo disse...

E lá estamos nós com os touros... isso foi em 1998, tanta coisa tem passado de então aos dias que correm.
Vivam o presente pensando no futuro e deixem o passado.
É verdade que como naquele tempo nunca mais se vio o povo tão unido, mas sabem porque foi tão grande a manifestação?Porque não eram só barranquenhos havia muita gente de fora que tinha interesse e ajudavam se fosse só por nós já nem os touros tinhamos por isso não comparem

Vânia Reganha disse...

Uiiiiiiiiiiiii!!!
vi tantos comnetários (7), que pensei! bom vou espreitar. Mas como passo pelos buraquinhos todos regularmente decidi, não"gastar" o dedo. Mas a notícia é óptima e desta queremos mais.
Cpts, B.
Vânia

Anónimo disse...

´´Viva os caminhos de Portugal`` ou melhor as veredas de cabras!!

ocirsomar disse...

Eu que utilizo todos os dias esta vereda, ou deveria, só não o faço porque as despesas com o meu veículo correm a meu cargo e devido ao estado da dita vereda já tive despesas extraordinárias,mas vou resolver este problema, vou mudar a residência para onde futuramente vai passar o quimbóio de alta velocidade, porque este sim, este é prioritário e todos os contribuintes vão poder deslocar-se para o local de trabalho, de uma forma rápida, segura, cómoda. Esperem, esqueci-me, o quimbóio de alta velocidade não para em todas, vamos continuar a estar fod.....!!!

AnaC. disse...

Concordo com a manifestação e o abaixo-assinado!!!